Mutirão da Semana Nacional da Conciliação avalia mais de 100 casos

O mutirão faz parte da XIII Semana Nacional de Conciliação e prossegue até sexta-feira, 9.  18 profissionais (conciliadores, co-conciliadores e coordenadores) atuam nas 110 audiências que ocorrem na sede do Fórum Universitário de Blumenau, no Centro da cidade.  

“Muitos destes processos já estão tramitando, muitos da Turma de Recursos, ou seja, processos de segunda instância. A nossa perspectiva é bastante boa, é termos uma homologação de 30% a 40% dos processos”, comenta o conciliador do Centro Judiciário de Solução de Conflitos e Cidadania (Cejusc), Dorval Henrique Ferrari, sobre as demandas pautadas, todas cíveis, 

 Segundo ele, o  objetivo do mutirão é despertar na população a consciência de que é possível encontrar caminhos diferentes da judicialização dos problemas e de que a atuação e diálogo entre as partes são essenciais para firmar acordos satisfatórios aos envolvidos.  

Em 2017, a Semana Nacional da Conciliação atendeu mais de 15 mil pessoas e arrecadou mais de R$ 14 milhões em acordos homologados. Durante a última edição do mutirão, no ano passado, mais de 225 mil processos que estavam em tramitação foram solucionados no país, segundo o CNJ (Conselho Nacional de Justiça).

Seja o primeiro a comentar

Deixe uma resposta