Cristiane Brasil e o Brasil de Cristiane

Fernando Krieger
estudante de Filosofia e editor do The Ironic Herald

 

Em um país diferente do que vivemos hoje não nos causaria nenhum tipo de espanto um Presidente da República indicar ao seu Ministério do Trabalho alguém ligado ao movimento trabalhista, mas não vivemos neste país, vivemos no Brasil de Cristiane.

A deputada federal Cristiane Brasil foi indicada ao cargo pelo Presidente Temer e a sua posse barrada pelo Supremo.

Ela teoricamente seria ligada ao movimento trabalhista, se o seu partido, o PTB ainda defendesse claramente tal ideologia – o partido é presidido pelo pai Roberto Jefferson, exatamente aquele que delatou o esquema do mensalão e foi condenado a mais de sete anos de prisão por corrupção passiva e lavagem de dinheiro.

Mas o problema de Cristiane não está somente na figura de seu pai, a mesma já apareceu em um vídeo questionando o porque de trabalhadores irem à Justiça do Trabalho contra seus antigos empregadores, inclusive ela responde na mesma Justiça por problemas com antigos funcionários.

No último domingo, o programa da Globo “Fantástico” divulgou áudios de uma conversa em 2014 em que Cristiane pressiona funcionários de uma secretaria da qual comandava no Rio, para buscarem votos para a campanha daquele ano, inclusive passando metas aos funcionários.  Naquele ano Cristiane se elegeu para deputada federal. “Eu só tenho um jeito de eu manter o emprego de vocês, me elegendo!”

O perfil suspeito desta pessoa termina aqui? Infelizmente não!

Ainda para piorar a imagem da futura (tomara que não) ministra, o MPF está investigando uma suposta associação do seu nome ao tráfico do Bairro Cavalcanti, Zona Norte do Rio. Cristiane teria pago em 2010 uma quantia para ter autorização de panfletar e fazer campanha no bairro.

O governo tenta a todo custo colocá-la nas fileiras dos ministérios, mas não é por causa da sua competência e sim o pagamento por favores, votos e fidelidade ao governo atual, e olha que o seu pai está disposto a descontar o “cheque”.

Sobre o caso, a AGU (Advocacia Geral da União), disse que é contra a competência do Supremo para julgar a posse de Cristiane. Pregam que é constitucional e que a deputada tem os requisitos necessários, ela tem mais de 21 anos, é brasileira e tem seus direitos políticos intactos (só isso?)

Vamos lá! A indicação de Cristiane Brasil não é inconstitucional, mas imoral.

O governo Temer é exatamente o retrato do Brasil de Cristiane, um Brasil de favores, um Brasil que mesmo que todos saibam como funciona, ficou explícito nos áudios divulgados (não só os de Cristiane, de Lula e Dilma, de Joesley, de Jucá e por aí vai).

Um Brasil em que a indicada ao cargo de Ministra do Trabalho sofre processos trabalhistas e pressiona seus funcionários para fazerem campanha a seu favor.

Um Brasil em que um delator e participante de um enorme esquema de pagamentos ilícitos pressiona o governo do jeito que pode.

Temer se cercou de pessoas que não estão para brincadeira, é o preço pelo poder que recebeu.

Temer convida o povo brasileiro para um belo jantar mas serve a sua comida em um prato sujo.

É o Brasil de Cristiane, o Brasil que precisa voltar a ser somente o nosso Brasil!

Sigo acompanhando!

4 Comentário

  1. Está na cara que o Pseudo Governo do Temer é mais sujo que Pau de Galinheiro!

    Mas convenhamos, a promessa de Temer ao Pai de Cristiane, Roberto Jefferson de colocar sua Filha como ministra, se deve ao que?

    Como diz o autor,

    SIGO ACOMPANHANDO !

  2. Esse é o Brasil, sai Lula, sai Dilma , entra Temer , tudo farinha do mesmo saco , imorais .

  3. Alcino Carrancho, Aquele Que Nestas Próximas Eleições Somente Votará em Candidato "Zero Quilômetro" disse:

    Proponho uma limpa neste cenário por demais fétido: nestas próximas eleições votarmos somente em candidato ZERO QUILÔMETRO.

    Se algum político que esteja exercendo cargo de eleição ou algum que já o tenha exercido lhe vier pedir voto, responda:

    NESTAS ELEIÇÕES VOTAREI SOMENTE EM CANDIDATO ZERO BALA!

    Hasta la vista, baby!

  4. Convido os nobres colegas aqui, a encherem de comentários a caixa do youtube, twiter (eles não tem contato por email!) do PTB sobre a infâmia, desprezo e escárnio a nós brasileiros se essa pessoa indigna e indecente for ministra!

Deixe uma resposta