Blumenau terá o Dia do Orgulho LGBT e a Parada da Diversidade Sexual. Se o prefeito deixar…

A Câmara Municipal aprovou na sessão desta quinta-feira, 14, o projeto de lei que institui o Dia do Orgulho LGBT (Lésbicas, gays, bissexuais e transgêneros) e a Parada da Diversidade Sexual LGBT no calendário oficial de eventos de Blumenau, sempre no mês de junho.

O projeto é de autoria do suplente de vereador Lenilso Silva (PT), ainda em 2017. Recebeu oito votos a um, dos dez vereadores presentes, sendo que o presidente não vota. Num primeiro momento, a votação tinha sido unânime, mas Marcos da Rosa (DEM) pediu para fazer uma correção, para que seu voto fosse contra.

O vereador Jovino Cardoso Neto (PROS), que é da mesma Igreja de Marcos da Rosa, ausentou-se um pouco antes para “conversar com os advogados sobre o caso familiar que ele vive”.

Para virar lei, agora falta a sanção do prefeito Mário Hildebrandt (sem partido), também bastante religioso.

 

6 Comentário

  1. Parabéns Blumenau. Dando aula de civilidade e diversidade. Em país laico e democrático de direito, TODOS tem vez e voz .

  2. Quando falamos que a maioria dos vereadores votam projetos politiqueiros , eles reclamam , eis a prova . Esperamos que o prefeito vete , mas , como ano que vem vai haver eleições , não sabemos qual será a posição do prefeito .

    Parada da diversidade sexual LGBT , depois reclamam que somos homofóbicos , que somos facistas ,etc…etc… Porque estas pessoas dos grupos LGBT não fazem passeata para arrecadar recursos para entidades beneficientes , asilos , creches , hospitais , etc… Assim mostrariam a sociedade que não importa a opção sexual para serem iguais a todos .
    Se querem igualdade , façam valer esta igualdade , ou alguém já viu parada de héteros ?

  3. Prefeito. Eu não gostaria que Blumenau fosse palco deste evento.

  4. Creio que sim, A comunidade LGBTQ+ de Blumenau merece representatividade, necessita de mostrar que está presente em meio a multidão Blumenauense e mostrar que Blumenau também tem seu Orgulho LGBTQ+, pois comentários diante de SC é que Blumenau é totalmente contra o Orgulho LGBTQ, Não existe Dia Do orgulho hetero por Hetero não sofre com aceitação, com vítimas de violência nem mortes por sua orientação sexual. Sou totalmente a favor.

  5. Espero de coração que o prefeito leve em consideração que nos como LGBTQ+ também pagamos nossos impostos, e contribuímos com nossos deveres dentro da população de BNU.

Deixe uma resposta